Buscar

Seguidores

Visitas



Médicos x Pacientes: Afinal, quem tem razão?!

Eu prometi pra mim mesma que eu não iria escrever sobre isso aqui, mas depois pensei, me acalmei, e agora com mais calma, resolvi escrever. Sei que tem pessoas que lêem o blog não só com o objetivo de saber de mim, mas também de se informar.

Hoje tive consulta com a GO, qual não foi minha surpresa, saio de lá sabendo menos do que quando entrei. Pra quem não sabe, não faço PN com médica particular (cancelei o plano de saúde 1 mês antes de engravidar). Acaba que toda vez que tenho consulta, acabo sendo atendida por residentes e nunca são os mesmos. Após a consulta, eles levam o nosso laudo pro médico responsável, que dá as informações pra eles passarem para as pacientes. Acontece que esse atendimento é péssimo, cada médico acha uma coisa diferente e te joga pra um lado.




Quando fui parar na emergência, eu disse aqui que o médico comentou que eu estava com dilatação inicial e que era pra eu cuidar. Já hoje, disseram que não, que o colo do útero está bem fechado e não tenho nada de dilatação. E agora, em quem eu acredito??

Eu não me sinto bem pra trabalhar mais. Com esse calor, mal consigo sair de casa, meus pés estão duas bolas enormes que não cabe em nenhum chinelo ou sandália, tenho quedas de pressão sempre, muita dor nas costas, nas pernas, nos pés mas principalmente dores na barriga, que já me disseram que são contrações. Tenho que me cuidar bastante, pois estou na reta final da gestação, acontece que a maldita³ médica acha que eu ainda tenho condições de trabalhar. Me deu um atestado pra 7 dias, sendo que eu sei que não consigo mais. Cheguei no meu limite.. Todos que me conhecem sabe o quanto é difícil pra mim ficar muito tempo sentada ou até mesmo o deslocamento da minha casa pro trabalho. Não adianta eu ir trabalhar e ficar lá sem conseguir me concentrar em nada, vou ser um peso morto e ainda ficar o tempo todo sentindo dor. Acho que essa médica nunca ficou grávida, ainda mais de gêmeos.
Minha barriga pesa muito², e com isso cansa bastante as minhas costas e todo o resto. Não é preguiça, é simplesmente não conseguir mais.

Conheço várias grávidas que pegaram atestado logo no início da gravidez ou que vivem faltando ao trabalho. Eu não fui de faltar muito e nunca peguei atestado, sendo que a minha gravidez é de risco e gemelar.

Acho que tá na hora de os médicos aprenderem a ouvir o que os pacientes dizem. Não somos livros que dizem sempre a mesma coisa e cada pessoa tem uma forma de lidar com as coisas e têm sintomas diferentes.

Sinto que quem fez meu PN inteiro, fui eu, sozinha. Se não fosse eu colher as informações que eu preciso, eu não saberia o que está acontecendo comigo, na maior parte das vezes.

Desculpem o desabafo, mas contive bastante informações aqui pra não ofender ninguém e manter o sigilo do local onde faço o PN.


3 revoltados beijos,


Bru, Pedro e Lucca.

6 comentários:

  1. Bruna, concordo totalmente contigo! Sei que não é preguiça, pois eu com 22 semanas já estou sentido muito dificuldade para trabalhar. Canso demais, meu corpo dói, a barriga pesa, (isso que estou bem menor do que tu!), a pressão baixa...
    Acho que gravidez de gêmeos é diferente mesmo e os médicos deviam saber disso. Aliás: alguns sabem. Como eu toda profissão: existem médicos bons e médicos ruins. Minha família é de médicos e eu sei bem disso. Vivo ouvindo cada história...
    Boa sorte!
    bjs.

    ResponderExcluir
  2. forca amiga!
    cada minutinho de cansado e de dor vai ser esquecido quando esses meninos nascerem e tu vai ver que tudo valeu a pena!
    estou orando por voces, fica tranquila e nao trabalha muito!

    ResponderExcluir
  3. bruna! é um absurdo isso!! mas falta pouco!!
    1 beijo revoltado!!

    ResponderExcluir
  4. Bruninha, não vai trabalhar não. Fala com o chefe, sei lá. Estou torcendo por você mamãe linda, e rezando pelos três ! Boa sorte e não se esforça não, beijo beijo.

    ResponderExcluir
  5. Miga é um absurdo que em todas as profissões tenham pessoas desrepeitosas, mas principalmente na área médica onde geralmente chegamos pedindo não só uma solução orgânica, mas tb um alento psicológico, um apoio para nossas angústias. Sem ser muito revoltada, mas espero que um dia essas pessoas passem por isso pra saber como é ser negligenciado. Adoramos vcs!! Bjos

    ResponderExcluir
  6. Eu tbm concordo com vcs,pois,estou com 31semanas e já ñao aguendo + tanta dor na barriga,inchaço nas pernas,rosto,nas mãos,sem contar que me deu tromboflebite.Vixe,minhas pernas doem d+,ficam roxas,inchadas e ñao consigo andar,fora isso,dores e +dores no quadril,nos ossos,eles instalam,parece que fica fora do lugar,me trava qdo vou andar,ñ dormo +,só dou uns cochilos,isso está me deixando muito cansada,e as dores dentro de mim então.A falta de ar,aperto no coração,cansaço..Nossa,a gravidez de gêmeos é muito complicado e totalmente de risco,pois, ando tendo contração direto,estou segurando o máximo pra poder chegar a´te 8meses de gestação,cho que ñ passo de 8 meses,o meu GO deu para nascer depois do dia 29de Maio de 2011 +ando com muita dors na barriga e na vagina,parece que vai arrebentar a bolsa,direto e reto sem querer faço xixi na calça,o meu intestino tbm tá comprometid devido a pressão..è muito ruim,ñao me sento tão animada,ñ consigo tomar banho direito,tem q ser sentada e rápida...+ se deus quizer vai dar tudo certo e logo os bebes estarão nos meus braços..Já escolhi os nomes...Pedro e Lucas que deus bençoe vcs dois desde já..Nós amamos vcs..eu mamãe e o papai José Benedito Cerqueira..rsrs..

    ResponderExcluir

Fico muito feliz com seu comentário! :)